A migrar para ARM64?
Proteja o seu sistema Windows BETA

Prevê-se que o novo tipo de processadores ARM64 – mais eficientes e leves  - seja cada vez mais adotado pelas empresas. Na ESET, estamos prontos a protegê-lo e ao seu sistema Windows com ARM64.

Porquê proteger o ARM64 com a ESET

Segurança de um fornecedor fiável

Há mais de 30 anos, a ESET® tem vindo a desenvolver software e serviços de segurança informática líderes na indústria. Os nossos especialistas empregam o poder combinado da aprendizagem de máquinas e algoritmos escolhidos a dedo para o melhor nível de segurança.

O melhor nível de proteção para o seu equipamento

Conseguimos prevenir ataques e detetar atividade maliciosa, incluindo ransomware ou ameaças avançadas. A ESET Endpoint Protection faculta segurança entre plataformas para o seu negócio, não importa o sistema ou hardware.

Gestão unificada de ameaças em modo remoto

Através da consola de gestão unificada de ameaças (UTM) da ESET, ESET PROTECT, pode facilmente implementar, ativar e gerir equipamentos baseados em ARM64. Como acontece com qualquer outro endpoint, smartphone, ou servidor.

Fique protegido com a ESETBETA para Windows

Agradecemos o seu feedback,  por isso sinta-se à vontade para participar no ESET Security Forum e dizer-nos se gosta do BETA.
Nota para utilizadores domésticos: para entrar no BETA doméstico, primeiro inscreva-se no fórum. Em troca, terá acesso ao pacote de instalação da versão doméstica mais recente.

Especificações técnicas

Sistema operativo:

  • Microsoft® Windows® 10 em ARM

Requisitos mínimos de sistema:

    • Processador ARM64, 1 GHz ou superior
    • 0.3 GB de memória livre
    • 1 GB de espaço livre no disco
    • Resolução mínima: 1024x768
    • Ligação à Internet ou uma ligação de rede local a uma fonte de atualizações de produtos

Para implementação em gestão de ambientes, consulte este artigo KnowledgeBase: https://support.eset.com/kb8036

Atualmente não é compatível:

  • Criação de instalador tudo-em-um, incluindo AV Remover
  • Compete ao cliente a atualização do ESET PROTECT
  • Integração do Enterprise Inspector (agente para plataforma ARM ainda não disponível)
  • Bloqueador de exploração
  • Deep Behavioral Inspection
  • Integração de cliente de email